Maternar para plateia

Educar os filhos para a glória de Deus é a missão mais nobre e profunda que um pai e uma mãe podem ter. Mas, essa não é uma tarefa fácil, pois exige muita dedicação. A maternidade é marcada pelas inseguranças, incertezas e desafios constantes em cada fase da criação. Muitas vezes, os pais esperam que os filhos apresentem um bom comportamento, de acordo com suas expectativas, como forma de mostrar às outras pessoas que estão exercendo bem o seu papel, exibindo-os como uma espécie de “troféu” à sociedade.

Porém, educar filhos para a glória de Deus vai além das aparências e das expectativas sociais. Enquanto muitos se preocupam em moldar o comportamento dos filhos para que sejam aceitos e se encaixem em padrões externos pré-estabelecidos, a verdadeira essência da educação para o Reino de Deus está em cultivar valores e princípios que refletem a vontade do Senhor.

Maternidade e paternidade cristã não são simplesmente sobre moralidade. Trata-se de uma missão mais profunda: a eternidade. Dessa forma, não é necessário focar apenas na imagem que os filhos projetam para o mundo, pelo contrário, os pais que educam para a glória de Deus priorizam o coração, porque é dele que fluem as fontes de vida. Eles procuram discernir a raiz do mau comportamento e tratam a situação com amor, sabedoria e firmeza.

Pais cristãos investem no desenvolvimento do caráter, da integridade e da vida espiritual dos filhos. Eles entendem que a verdadeira educação não se resume a meras regras de etiqueta, mas sim a um processo de transformação interior, onde o amor, a compaixão e a justiça são os pilares fundamentais.

Na verdade, o bom comportamento é fruto da revelação da nossa identidade em Cristo. Quando eles entendem que são filhos amados de Deus, são capazes de amar o próximo como a si mesmos, serem excelentes no que fazem e respeitarem as pessoas, manifestando, dessa forma, o fruto do Espírito. E, mais do que isso, eles compreendem que a verdadeira realização não está na busca por reconhecimento humano, mas na busca por uma vida que reflita os valores do Reino de Deus.

Esse é um processo que leva tempo e está longe de ser perfeito. Portanto, não crie expectativas irreais sobre seus filhos, tenha tolerância com o tempo de aprendizado deles e lembre-se do seu processo de maturidade. Nós precisamos alcançar o coração dessa geração de filhos. E que se cumpra o que está escrito em Malaquias 4:6  “E ele converterá o coração dos pais aos filhos, e o coração dos filhos a seus pais; para que eu não venha, e fira a terra com maldição.”

Leydianne Campos A. Rodovalho

Mãe de duas, educadora sócioemocional, idealizadora do projeto Mãetoria Eficiente, mentora de mães e filhos adolescentes. Há mais de 15 anos servindo e liderando famílias para o Reino. Instagram @maetoria_eficiente

Você também vai gostar de ver

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x