2024 sem dívidas!

Nos tempos de incertezas econômicas, é crucial encontrar maneiras de administrar nossas finanças de forma inteligente e estratégica. Na primeira edição do ano tivemos o privilégio de conversar com alguém que tem se destacado nessa área, trazendo luz e clareza para a gestão financeira pessoal e empresarial. Rafaela Dias Vieira Oliveira, sócia fundadora da Fábrika de Etiquetas, uma empresa com mais de 15 anos de experiência no mercado de identidade de moda, é muito mais do que uma empreendedora de sucesso. Com formação em Administração, experiência como gestora financeira e designer, Rafaela é também a criadora do método “Você no Azul”, que oferece mentorias financeiras empresariais para aqueles que desejam alcançar uma vida livre de dívidas. Confira a entrevista na íntegra:

  • De forma geral, quais são os principais erros que as pessoas cometem que os impedem de alcançar a estabilidade financeira?

É realmente impossível igualar como cada um de nós lida com o dinheiro e as finanças. Mas posso afirmar que a origem de tudo isso está em como nós encaramos o dinheiro e a riqueza. Entender que o nosso dinheiro deve ser um “servo” que nos proporciona uma vida confortável, e não um “rei” que dita como devo viver atrás dele, previne que tenhamos problemas financeiros.  Posso dizer que o principal erro que as pessoas cometem ao buscar estabilidade financeira, é o de não definir um orçamento, ou limite para cada tipo de gasto da família ou da empresa. A falta de planejamento financeiro é outra dificuldade comum. Além disso, buscar ter uma vida muito acima do seu patamar para agradar às pessoas à sua volta, é um vilão silencioso, que gera gastos excessivos. Por isso, alinhar as expectativas com a sua realidade, poderá te livrar dessa armadilha.

  • É muito comum que a preocupação com as dívidas influencie em todas as áreas da vida das pessoas? Como não deixar que o estresse do descontrole financeiro atrapalhe o relacionamento com as pessoas e com Deus, por exemplo?

Com certeza. Principalmente para quem comanda uma família ou um negócio, e tem a responsabilidade de trazer a estabilidade. Estar endividado trás sentimentos de vergonha e incapacidade e isso com certeza atrapalha os relacionamentos. Nesse contexto,é preciso entender que Deus já nos abençoou para prosperar (Deuteronômio 30:15-16), e que Ele tem “planos de paz, e não de mal, para nos dar o fim que desejamos” (Jeremias 29:11), esse é o primeiro passo para acalmar o coração e depois, finalmente entrar em um caminho virtuoso, de recuperação e prosperidade. O segundo passo é ser verdadeiro com a sua família e traçar planos de pagamento das dívidas. Listar todas elas e ir resolvendo uma a uma, por prioridade de dívidas que têm juros mais altos, e que atrapalham mais no dia-a-dia.

  • Com o ano de 2024 se iniciando, quais devem ser as primeiras atitudes a serem mudadas para se livrar das dívidas e o que deve ser feito para organizar as finanças?

Boa pergunta! O primeiro passo é colocar em um papel ou planilha, quais são as entradas de dinheiro da família e quais são os tipos de gastos. Depois, é importante definir um limite de gasto para cada um deles, não se esquecendo, claro, de separar o dízimo, provisão para ofertas, e se possível, um plano de poupar ou investir em renda fixa. O segundo passo é acompanhar esse controle e verificar se está sendo seguido e ajustar conforme necessário. É importante também eleger alguém que tenha mais facilidade com controle financeiro para cuidar das finanças da família.

  • Durante o ano, como agir para não perder o controle financeiro e viver uma liberdade financeira?

Para manter o controle financeiro ao longo do ano e trabalhar em direção à liberdade financeira, é crucial:

  1. Orçamento: Elabore um orçamento realista e acompanhe regularmente seus gastos para garantir que estejam alinhados com suas metas financeiras.
  2. Economias automáticas: Configure transferências automáticas para uma conta de poupança, garantindo que esteja constantemente contribuindo para metas de economia.
  3. Redução de dívidas: Priorize o pagamento de dívidas, começando por aquelas com taxas de juros mais altas, para diminuir o peso financeiro a longo prazo.
  4. É imprescindível que no período em que estiver combatendo e eliminando as dívidas, não fazer dívidas novas.
  5. Investir: Considere investir seu dinheiro de maneira diversificada para potencializar o crescimento a longo prazo.
  6. Reavaliação regular: Faça avaliações periódicas de suas metas financeiras e ajuste seu plano conforme necessário, levando em conta mudanças na vida e nas circunstâncias.
  7. Educação financeira: Invista tempo para entender conceitos sobre finanças, e você entenderá outras formas de trazer riqueza e prosperidade para a família.
  8. Ajuda externa: principalmente para empresários, ter um mentor para aprender a lidar com as finanças é uma excelente ferramenta para alavancar os negócios. Ter informação de fora, e uma análise detalhada das finanças do negócio na parte financeira, tem o potencial de aumentar muito os lucros e trazer mais tranquilidade em relação ao controle financeiro.

Hoje em dia, tenho realizado mentorias para empresários na parte financeira e estratégica. Se você é empresário e as finanças do seu negócio não te trazem paz, me procure pelo Instagram @rafaelaoliveira, vamos fazer uma análise e diagnóstico do seu negócio, para um 2024 vencedor!

Deborah Luize Santana de Brito

Você também vai gostar de ver

guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x