O que dirige a sua vida?

Todos nós somos dirigidos por alguma coisa ou por algum sentimento e, na maioria das vezes, nem percebemos isso. Muitas vezes declaramos que a nossa vida é dirigida por determinada coisa, quando na verdade ela é dirigida por outra. Mas, nem sempre a nossa vida é dirigida pelo que gostaríamos. Muitos têm sua vida dirigida por preocupações, outros por temores, e por isso vivem se resguardando com medo de algo. Existem inúmeras circunstâncias, valores, frustrações, sentimentos e emoções que podem dirigir nossa vida ao invés de nos deixarmos guiar pelo que vale a pena. Veja o que diz o Evangelho sobre isso:

 “O seu Deus o instrui e lhe ensina o caminho”.
(Isaías 28:26)

Nessa edição, quero que você, caro leitor da Revista Renascer, reflita sobre alguns aspectos que podem estar dirigindo a sua vida.

Muitos são dirigidos pela culpa – as pessoas nessa situação são manipuladas por suas lembranças. Não podemos deixar que isso interfira em nossa vida. É fato que somos resultado do nosso passado. O que você semeou ontem, com certeza você colherá. O nosso amanhã é resultado do hoje que vivemos, e nisso todos nós nos igualamos. Mas, embora somos resultado do nosso passado, não significa que somos prisioneiros dele. Todos os meus erros e falhas do passado não querem dizer que me tornarei escravo dele. Deus não consulta o nosso passado para nos abençoar, pelo contrário. Tenha a certeza de que Deus não vai se lembrar de nossos pecados, uma vez que nos arrependemos. Precisamos buscar a Deus e eliminar toda culpa imposta pelo passado.

Muitos são dirigidos pelo rancor ou pelo ódio – todos os dias vemos pessoas presas nesse sentido, mas elas não veem que o rancor e o ódio sempre machucam mais a nós mesmos do que à pessoa que nos trouxe a ofensa. Alam Sachs disse que “a morte é mais universal que a vida; todo mundo morre, mas nem todo mundo vive”. Muitas pessoas estão simplesmente sobrevivendo, porque vivem debaixo de culpas, tormentos e rancor, e esses sentimentos acabam manipulando a vida e a mente. Saiba que o tempo não vai parar pra que possamos resolver nossos problemas. A vida anda, e não podemos perder tempo ficando chateados por pouca coisa.

Precisamos liberar nossos ofensores – nós nunca perdoaremos alguém mais do que Deus tem nos perdoado. Perdão significa prejuízo. Precisamos liberar e esquecer as ofensas de forma que isso não nos fira, não nos machuque e, portanto, não dirija nossa vida.

Muitos são dirigidos pelo orgulho – não admitir que precisamos de ajuda é orgulho. As pessoas vivem enganadas e acham que ninguém percebe. Lembre-se que não somos uma ilha, e que portanto, todos nós precisamos ser ajudados em algum aspecto ou momento. Vivemos em uma sociedade que se preocupa muito com a autoimagem, e qualquer coisa soa como humilhação. Muitas pessoas estão completamente perdidas, mas não procuram ajuda, preferem sofrer, e isso acaba trazendo uma dose maior de sofrimento e humilhação. Provérbios 18:12 diz que “A pessoa orgulhosa está a caminho da desgraça, mas o humilde é respeitado”.

Muitos são dirigidos pela ignorância – a ignorância é o maior mal de todos os tempos, é a mãe de todos os males. Quantos prejuízos, seja financeiros, familiares ou de relacionamentos já tivemos por causa de ignorância? Nós precisamos amadurecer e aprender a não cometer os mesmos erros de tempos atrás, para não sermos destruídos pela nossa ignorância, que traz prejuízos a nós, a nossa família e a nossa igreja. Quantos prejuízos na vida familiar acontecem porque os pais, na sua ignorância, não conseguem educar os filhos e ensinar-lhes lições para a vida? Quantos prejuízos na vida ministerial acontecem porque muitos não entendem que ministério não é status, mas responsabilidade? A ignorância espiritual pode trazer grandes danos. Muitos ignoram coisas básicas como a leitura da Bíblia e a oração, e por isso não conseguem avançar. O resultado da ignorância é perda da sensibilidade e por isso muitas pessoas passam meses sem ir à igreja e não entendem que o nosso espírito se alimenta em ouvir a Palavra de Deus.

Espero em Deus que você possa aproveitar essas palavras, meditar sobre esses pontos e acordar a respeito daquilo que dirige sua vida.

Viva um cristianismo saudável pra que outras pessoas também sejam alcançadas por sua vida.

Deus esteja com você em todo tempo!

Pr. João Queiroz

Pr. João Queiroz

http://[email protected]

Graduado em Pedagogia e Teologia, pós-graduado em Neuropsicologia e Psicanálise Clínica. Fez curso de Coaching, é pastor presidente da Igreja Batista Renascer.

Você também vai gostar de ver